Falta formação específica a docente do ensino médio das escolas públicas e privadas do país

Um terço (32,3%) dos professores do ensino médio das escolas públicas e privadas do país só dá aulas de disciplinas para as quais não têm formação específica.

Outros 14% se desdobram entre a área em que são titulados e outras matérias.

Os dados, do Censo Escolar de 2015, foram tabulados pelo Todos Pela Educação.

Estudo da USP feito em 2014 concluiu que há profissionais titulados em número suficiente para todas as áreas, menos física.

As condições da carreira, entretanto, afastam essas pessoas da docência, segundo pesquisadores.

Um professor recebe até 39% a menos do que a média dos que têm o mesmo nível de escolaridade.

Esse cenário pode prejudicar a diversificação prevista na reforma do ensino médio, em trâmite no Congresso por medida provisória.

O MEC, que não tem plano específico de formação para as linhas de aprofundamento, diz que a situação pode ser melhorada com cursos de complementação pedagógica.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s