Cabeleireiro paulista revela que a esposa de Lula dizia: “eu gosto mesmo é de ser Marisa”

A jornalista Sonia Racy, do Estado, há sete anos, entrevistou Dona Marisa, no salão de Wanderley Nunes, em SP.

Ontem, indagado a respeito da cliente amiga, o cabeleireiro, lembrando que chamava a ex-primeira dama de irmã, revelou sua admiração pela amiga, mãe e esposa.

“Ela era a única pessoa em que Lula confiava de peito e alma”.

E na conversa com a jornalista em 2010, frisou que primeira-dama não é cargo.

Gostava da posição que exerceu?

“Não. Eu gosto mesmo é de ser Marisa”.

Lembrou também que nunca foi eleita ou candidata. “ Peguei esse cargo por causa do meu marido, mas não sou remunerada, não sou nada, sou apenas mulher ou companheira, igual ele fala. Eu faço a parte que gosto, trabalho com crianças”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s