Odebrecht comprou tempo de TV de PCdoB, PROS e PRB para Dilma

Em sua delação premiada, Alexandrino Alencar, ex-diretor da Odebrecht, relatou ter comprado o tempo de TV de três partidos — PRB, PCdoB e PROS — para a campanha de Dilma Rousseff em 2014, revela LAURO JARDIM.

A pedido do petista Edinho Silva, tesoureiro da campanha, ele se reuniu com dirigentes das siglas e deu R$ 7 milhões a cada um.

Com o PRB, a negociação, na sede da empreiteira, foi com o atual ministro Marcos Pereira (Indústria e Comércio).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s