Na tribuna, Aécio cobra divulgação de banco e suposta conta em Nova York

Com um plenário cheio de aliados da Câmara e do Senado, o presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG) fez um pronunciamento nesta terça-feira da tribuna para cobrar que seja divulgado o banco e uma suposta conta que seria movimentada pela irmã dele, Andreia Neves, que teria recebido repasses da Odebrecht de propina de obras da Cidade Administrativa de Minas Gerais e da Hidrelétrica de Santo Antônio.

A denúncia, publicada pela revista “Veja”, teria sido feita em delação do ex-diretor da empresa, Benedicto Júnior.

Ao dizer que sofreu enormes prejuízos políticos, Aécio apelou ao relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Edson Fachin, que dê publicidade à delação de Benedicto, para “desmascarar essa farsa definitivamente”.

A propósito do discurso do senador Aécio Neves, o blog “Tribuna na Internet” publica o seguinte comentário:

Ao se defender com tamanha veemência, Aécio colocou em saia justa a Veja, que até o final da noite desta terça-feira não havia postado em seu site o discurso do senador nem fez qualquer comentário a respeito.

Das duas, uma – ou a Veja deu uma terrível mancada ao fazer a denúncia ou está guardando munição para destruir o parlamentar.

E ainda há a chamada terceira via – a conta nos EUA existe, foi abastecida pela Odebrecht, mas não há como provar que era controlada por Andrea Neves.

Vamos aguardar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s