De olho em 2018, Alckmin incorpora temas nacionais

Estado

Os Correios devem ser privatizados? “Sim, trata-se de uma atividade empresarial como qualquer outra”, respondeu Alckmin ontem a um dos 80 empresários convidados pelo Ceal, de Roberto Giannetti e pelo Cebri, para almoçar no restaurante Attimo, em São Paulo.

Deixando claro que os temas nacionais entraram de vez em sua agenda, o governador discorreu também sobre assuntos como previdência, comércio exterior e Mercosul.

E avisou: é contra o financiamento público na campanhas. A fala do governador defendendo um Estado mais leve e eficiente terminou com os presentes aplaudindo de pé. “Governar é escolher e o dinheiro está escasso”, completou o governador.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s