Filho diz que Lula e Dilma sabiam das propinas e o Pai confirma a pressão no empréstimo para Cuba

Marcelo Odebrecht, dono da empresa, disse que contou à então presidente Dilma que pagara propina a PMDB e PT por contrato na Petrobras.

Dilma sempre negou que soubesse.

Ele citou ainda no depoimento que o crédito para obra em Cuba só saiu porque Lula pediu

Na delação, do seu pai,  Emílio Odebrecht,  ficou claro que a obra do Porto de Mariel, em Cuba, e seu financiamento pelo BNDES só ocorreram por interesse e pressão do ex-presidente Lula.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s