Pressões levam a novos recuos na Reforma da Previdência

Um dia após apresentar seu parecer para a reforma da Previdência, negociado com o governo, o relator Arthur Maia cedeu a pressões e fez novos recuos, surpreendendo a equipe econômica. Maia adotou regras mais generosas para a previdência rural e divulgou uma “errata”, sinalizando que vai aliviar as exigências no regime de transição dos servidores.

O governo teme que pressões de outros grupos levem a mais recuos.

O ministro Henrique Meirelles disse que as mudanças estão no limite do que pode ser feito sem alterar o equilíbrio fiscal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s