Aécio disse a senadores do PSDB que procurou o dono da JBS para vender imóvel

A bancada do PSDB do Senado ficou reunida até a 1h30 da madrugada desta 5ª feira (18.mai.2017), no gabinete de Tasso Jereissati (CE).

Conversaram com o presidente do partido, Aécio Neves (MG), por telefone.

Aos colegas, o mineiro afirmou ter procurado Joesley Batista, presidente da JBS, para vender 1 apartamento.

O objetivo era conseguir dinheiro para pagar sua defesa na Operação Lava Jato.

“Ele estava muito abatido, abalado com as informações de uma conversa pessoal relevadas”, disse o líder do partido no Senado, Paulo Bauer (SC).

Segundo Bauer, Aécio relatou aos colegas que Joesley disse no encontro não poder firmar a compra do apartamento.

Mas ofereceu um adiantamento do valor ao senador.

“Aécio aceitou o favor do amigo, porque eles têm uma relação pessoal. Mas Aécio nunca colocou uma posição política ou legislativa ou de governo na conversa com o Joesley”, disse Bauer.

Ainda não há decisão de afastar Aécio da sigla.

Senadores afirmam que só há especulações por conta do vazamento de uma delação.

Dizem aguardar provas para o partido tomar uma posição oficial.

A decisão pode vir ainda nesta 5ª feira.

A bancada do PSDB se reunirá ainda hoje (18.mai) para decidir sobre o caso. (Poder 360)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s