Mario Covas Neto pede renúncia de Aécio da presidência do PSDB

O vereador tucano Mario Covas Neto (SP) pediu a renúncia do senador Aécio Neves (PSDB-MG) da presidência do partido após o empresário Joesley Batista entregar à Procuradoria-Geral da República uma gravação na qual o mineiro pede R$ 2 milhões ao empresário, sob a justificativa de que precisava da quantia para pagar despesas com sua defesa na Operação Lava Jato.

“Como presidente do PSDB na cidade de São Paulo faço um apelo ao senador Aécio Neves: deixe a presidência nacional do partido.

O senhor está sendo acusado de uma série de coisas e não tem condições de estar a frente do nosso partido nesse momento”, afirmou em rede social.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s