Gilmar Mendes vota contra cassação e TSE mantém Temer no poder

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) absolveu a chapa formada pela ex-presidente Dilma Rousseff e pelo presidente Michel Temer nesta sexta-feira (9) por 4 votos a 3.

O ministro Gilmar Mendes, presidente da Corte, votou por último e definiu o resultado, contrariando o entendimento do relator, Herman Benjamin.

Além de Benjamin, a ministra Rosa Weber e Luiz Fux foram favoráveis à cassação. Tarsicio Vieira, Admar Gonzaga e Napoleão Maia, contrários. Esta sexta-feira (9) foi o quarto dia de julgamento no tribunal.

Com a decisão, Temer permanece na presidência do país.

A ação julgada hoje foi aberta pelo PSDB após as eleições de 2014, e alegava abuso de poder econômico da chapa formada pela petista e pelo peemedebista.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s