Estados Unidos afirmam que Venezuela vive ditadura sob Maduro

Os EUA declararam nesta segunda-feira (31) que a Venezuela é uma ditadura e aplicaram sanções contra o presidente Nicolás Maduro, a quem acusam de romper a ordem constitucional.

A reação ocorre um dia após o chavista promover a eleição de uma Assembleia Nacional Constituinte.

Ao cumprir ameaça de punição, o secretário do Tesouro, Steve Mnuchin, afirmou que a votação “confirma que Maduro é um ditador que despreza a vontade da população venezuelana”.

Maduro declarou que não se intimidará com as sanções (como o veto a negócios com americanos) e que tem orgulho de ter sido punido pelo “imperador Donald Trump”.

Continua a guerra de versões sobre a votação. Segundo o governo, 41,5% do eleitorado foi às umas.

A ex-deputada opositora Maria Corina Machado diz em entrevista à enviada Sylvia Colombo que a consulta “foi uma farsa”.

Para ela, o número evidencia a manipulação:

“Maduro não teve isso nem quando se elegeu presidente”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s