Bancos temem calote de R$ 2,5 bi com Viracopos

Bancos que financiaram a expansão do aeroporto de Viracopos temem prejuízo de R$ 2,53 bilhões, depois que o consórcio do terminal em Campinas decidiu devolver a concessão.

Maior credor, com mais de R$ 2 bilhões, o BNDES diz que “avaliará as medidas cabíveis para assegurar seus interesses no momento oportuno”.

Itaú BBA, Bradesco, Banco do Brasil e Haitong têm R$ 423 milhões a receber.

Ainda não foram definidos quais pagamentos serão priorizados nem como a concessionária será indenizada por investimentos, que somariam R$ 3 bilhões.

Hoje, os débitos financeiros estão em dia e o aeroporto informa que “não existe previsão de interrupção”.

Mas a concessionária já deixou de cumprir obrigações com o governo e há obras em atraso no terminal.

Em nota, Viracopos informou que o “pagamento da dívida será tratado no bojo da indenização (como desconto) à que a concessionária terá direito”.

Integrante do grupo que assumiu o aeroporto, a UTC é uma das empreiteiras envolvidas na Lava Jato.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s