Irmão de Geddel aparece em Brasília e dá a entender delação premiada

O deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) apareceu nesta terça-feira (19) em Brasília pela primeira vez após a prisão do irmão dele, o ex-ministro da Secretaria de Governo Geddel Vieira Lima, e disse que Geddel se defenderá nos autos.

“Sempre defendi que todo cidadão brasileiro, quando sofre uma acusação, deve ter o benefício da dúvida e o amplo direito de defesa.

E é isso que espero do Judiciário brasileiro: que dê a ele o amplo direito de defesa, que será manifestado nos autos”, afirmou.

O deputado não quis responder a nenhum dos questionamentos sobre uma possível delação premiada de Geddel Vieira Lima ou perguntas relacionadas à prisão do ex-ministro.

Geddel foi preso após a revelação de que usava um apartamento em Salvador no qual guardava R$ 51 milhões.

Perguntado sobre se havia conversado com Temer após a prisão de Geddel, Lúcio Vieira Lima disse que não.

Também afirmou que não foi visitar o irmão na prisão.

O deputado disse que a prioridade dele agora é cuidar da família, da mãe, de 80 anos, e do mandato.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s