Temer recua inexplicavelmente e garante que o ministro da Defesa não será militar

Lauro Jardim

Michel Temer garantiu agora há pouco a um interlocutor com quem conversava no Palácio do Planalto que o próximo ministro da Defesa será um civil.

A decisão vem um dia após uma forte crítica de Fernando Henrique, que declarou que “governos, sobretudo quando não são fortes, apelam para os militares”.

Temer afirmou que o nome para ocupar a pasta será decidido em até 15 dias. Assim, General Silva e Luna, tido por muitos como o nome definitivo para a Defesa, será substituído.

Opinião do blog – Inexplicável mais esse recuo do presidente Temer.

Por que recuar?

Por que um militar não pode ser Ministro da defesa?

Não há nenhum tipo de impedimento.

Se é corporativismo, um advogado não assumiria a justiça, ou um médico seria vetado para a Saúde.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s